05/12/2016

Querido futuro

finalmente, chegaste. Apetece-me cobrir-te de beijos.




3 comentários:

  1. Carla, Tudo de bom.
    Mas, atenção, o futuro já não é o que era.

    Abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O futuro há-de ser o que tiver de ser, Impontual.
      Espero apenas que seja diferente do passado. Se for como o presente, para mim, está bom. :)

      Eliminar
  2. Ele chega mas depressa se torna passado. Importa que deixe boa memória.
    :)

    ResponderEliminar