04/12/2014

Correspondência íntima XIX

Não sei quem se lembrou que escrever eleva o espírito, cada vez que o faço só remexo no lixo, naturalmente só me sai porcaria (sim, voltei a pegar naquela tristeza de texto).

Sem comentários:

Enviar um comentário