07/11/2013

Regressa-se à casa azul

A guardiã da rua é a casa do fundo – a casa da Maria. Um jardim seco, composto a espaços por tufos de plantas medicinais que a dona utiliza em unguentos, remédios e chá, separa o alcatrão da casa da fachada azul, como um fosso à volta de um castelo. Dificilmente o dia rompe a escuridão que se abateu sobre a casa, um negrume de floresta amaldiçoada que assusta a vizinhança e deslumbra Catarina.

Sem comentários:

Enviar um comentário