05/10/2013

Parabéns, mana querida!

As relações familiares não precisam de laços de parentesco para acontecerem. Podem depender simplesmente da generosidade do coração. Hoje, a minha irmã do coração faz anos. Somos o par de gémeas mais estranho da história que nem a distância que teima em interpor-se consegue separar. Estes últimos, creio eu, seis anos foram uma montanha-russa de acontecimentos e emoções de parte a parte que comprovaram a resistência desta amizade, por isso, aqui continuamos a desejar o melhor deste mundo uma à outra. Para os cépticos que acreditam que na Internet não se encontram pessoas em condições, digo com toda a firmeza que às vezes lá calha.

Ela tem a cabeça nas nuvens e os pés no chão do Norte e eu gosto dela assim mesmo.