27/06/2013

Hoje o meu pai faz anos

Tinha pensado num elaborado texto para assinalar o acontecimento, mas, na hora de passar à textualização, não sei que dizer. 
Podia mencionar as nossas parecenças no carácter - explosivo, de levar tudo à frente, pouco dado ao lambebotismo -, ou mesmo as semelhanças físicas em muito devedoras da minha avó paterna, também o jeito que temos para o bricolage e as invenções ou até das vezes que nos pegamos por manifesta incapacidade de o meu pai aceitar formas de fazer-ser-pensar diferentes das dele. Prefiro antes centrar-me no facto de sermos ambos uns mimalhos pouco assumidos: tudo o que seja beijinho e abracinho e festinha e bilu-bilu é connosco, o que  não é fácil nos tempos que correm onde cada um vive muito para si e por si, nem quando se tem uma mulher-barra-mãe que foge de abraços e coisas afins como os políticos fogem da responsabilidade dos seus actos.

Apesar de tudo, apazigua-me a certeza de o meu pai ser muito melhor avô do que foi pai, de ter percebido que há coisas que as crianças dão muito mais valor e as deixam muito mais felizes.

Hoje o meu pai faz anos. 59.

2 comentários:

  1. Parabéns ao teu velhote! beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tu não lhe chames velhote que o bigode eriça-se! lol

      Obriga, meu querido amigo. beijinho

      Eliminar