12/02/2013

Todo o passado é esquecível

até ser evocado em voz alta.



Quite emocional - Madrugada

13 comentários:

  1. Madrugada! Eu sabia que o gosto musical neste estabelecimento era do mais fino recorte! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já tinha falado deles aqui: http://uma-rapariga-simples.blogspot.pt/2012/04/parecem-que-sao-mas-nao-sao.html

      Adoro deambular pelo FB, tenho descoberto muito boa música neste exercício aparentemente inútil. (:

      Eliminar
    2. Era deambular pelo Youtube. Já ando a sonhar com o FB... -.-

      Eliminar
  2. Não consigo tocar isto, será que quer dizer não consigo tocar o passado?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nah, quer dizer apenas que estás com problemas no... (agora ia escrever "reprodutor", da música, entenda-se, mas é melhor não que pode dar leituras abusivas) em aceder à música (assim ficou melhor :D).

      Eliminar
  3. Hummm....acho que basta a sua ressonância no cérebro.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Enquanto ressoa no cérebro pode, assim o creio, ser neutralizado com algum esforço. Quando se abre a boca e se fala, aí estraga-se tudo, porque é como se voltasse a materializar-se à frente dos olhos. Fiat lux... é o mesmo princípio.

      Eliminar
  4. Respostas
    1. Bom, não é? ;)

      Ah, aproveito para te dizer que estou a gostar muito das leituras, embora elas estejam a ir devagarinho porque ando numa fase mais de filmes, mas podes passar a palavra. :D

      Eliminar
    2. Sim, muito e pela altura em que descobri esse som deram-me a conhecer outra banda de quem fiquei fã http://www.youtube.com/watch?v=fPYZGG7q2K4
      Bom saber que estás a gostar! =)

      Eliminar
  5. Gostei da frase. É daquelas verdades que só nos apercebemos quando vemos escritas.

    ResponderEliminar
  6. E os Madrugada calaram os Depeche Mode que estava a ouvir...

    ResponderEliminar