28/11/2012

Velha e louca, minha gente, velha e louca!

2 comentários:

  1. Afinal não sou só eu...
    :)

    Não conhecia esta música e adorei. Obrigado pela partilha.

    ResponderEliminar
  2. Adorei, é uma delicia.
    Quando eu for velha quero ser louca, quero ser como aquela velha que andava na rua Augusta, "a mulher dos sacos" que carregava dezenas de sacos e batia nas pessoas que andavam em sua direcção. Quero pintar o cabelo de roxo, seduzir velhos nos lares, por veneno em milho para matar todos os pombos. Entupir os meus netos com mimos, fazer apostas com os amigos velhos para ver quem vai morrer primeiro, dançar em bailes nas matinés e devorar livros com lupas, não combinar roupas nem padroes e andar sempre de chapeu, seja verão ou inverno . Mas o que eu quero mesmo é perder a vergonha.
    Que bom que deve ser velho e louco.

    ResponderEliminar