24/10/2012

Não se esqueçam de tomar o pequeno-almoço

não sei onde a achei :/



Já que eu ando de dieta.

114 comentários:

  1. É sem dúvida a refeição mais importante do dia pelo que deve ser a mais completa: 50% carne; 30% ovos e 20% leite :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. LOL
      Esqueceste do pão. É só preciso ir à padaria.

      Eliminar
  2. Pequeno almoço... almoço .. e a ceia! =D

    ResponderEliminar
  3. Lembro-me de um meio da manhã assim

    ResponderEliminar
  4. Isto explica muita coisa. O almoço anda a cair-me no vazio.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O meu também. Como resultado, está-me todo nas ancas.

      Eliminar
  5. Já aqui vim 10 vezes e só me sai dos dedos coisas um algo ordinárias(daí ainda não ter comentado), portanto... eh... viva o pequeno-almoço LOL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já aqui vim 10 vezes e só me sai dos dedos coisas um algo ordinárias(daí ainda não ter comentado)

      Assinado: Sufocada

      hmmm. Ok ;)

      pariga, bota isso cá para fora!

      Eliminar
    2. Ahaha, naaa.
      Tenho por costume sufocar em palavras (por não as dizer) ;)

      Eliminar
    3. Eu arriscava um bota para dentro, mas ela é capaz de me atirar com alguma coisa pesada à cabeça. :D

      Eliminar
    4. bota para dentro? ok, também é capaz de servir :)




      (tb tenho que pôr o capacete?)

      Eliminar
    5. O uso de capacete é obrigatório. Não sabia?

      Eliminar
    6. Capacete?
      Oh mãe do céu. Que biolência senhores...

      Eliminar
    7. Qual violência? Proteção. :D

      Eliminar
    8. Estamos a falar de que cabeça?
      ahah, jesus, não soltem a fera :P

      Eliminar
    9. AHAHAHAHAHAAH

      O QUE ME RIO!!!!!

      Da mais importante, querida! ahahahah

      Eliminar
    10. Isso é subjectivo ahahah

      pronto pronto, estou controlada.

      Eliminar
    11. Eu sei! :D

      Adoro uma boa polissemia. ;)

      Eliminar
    12. Também eu :D
      (adoro um boa polissemia, não sou contagiosa LOL)

      Eliminar
    13. Pega, Luís, mas não faz mal à saúde.

      É tão bom, Sufocada, com um chá e bolachas marcha que é uma maravilha.

      Eliminar
    14. Chá e bolachas?!? Estávamos a ir tão bem :(

      :D

      Eliminar
    15. E podemos continuar, o chá cai bem em todas as ocasiões.

      Eliminar
    16. Já fui ver e estão-me a dar baile com essa do chá e torradas

      Eliminar
    17. Se quiseres, ponho já Emanuel ou Ágata a tocar. Fica assim o chá dos velhos ou o baile dos velhos ou lá o que é.

      Eliminar
    18. Mal por bem, põe a Ágata, que é mais divertida

      Eliminar
    19. Podes ficar com a casa, o carro e as joias, mas não fiques com eleeeeeeeeeeeee....


      Melhorou?

      Eliminar
    20. Sim, quando é que vais registar tudo em meu nome?

      Eliminar
    21. Deixa-me contactar o meu advogado.

      Eliminar
    22. Desde que não seja o Vale e Azevedo...que esse até leva os vasos...

      Eliminar
    23. Credo, longe, longe! :/

      Não gosto do Vale e Azevedo.

      Eliminar
  6. Pois, caso alguém duvidasse do tema da conversa, lá se foram as dúvidas :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Podia ilustrar, de um domo artistico, por causa da bolinha :)

      Eliminar
    2. Deixa estar, eu fico-me pela imaginação. ;)

      Eliminar
    3. Neste momento já nem é preciso muita imaginação :)

      Eliminar
    4. É porque somos pessoas de boa mente. lol

      Eliminar
  7. E o pior é que logo agora falhei O sitio :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não faz mal, há males que vêm por bem :D :D

      Eliminar
    2. LOOOOOL

      Ficaste perturbado. Respira e orienta-te. :D

      Eliminar
    3. Continuo a achar que andar perdido por vezes é bom, porque se encontram outras coisas :)

      Eliminar
    4. E o que encontraste? Outro sítio. :D

      Eliminar
    5. Quando se anda à procura e não se vê, encontra-se tudo

      Eliminar
    6. E quando são coisas que fazem falta, é uma alegria.

      Eliminar
    7. Tanta alegria que quando se encontra, perde-se para ir procurar outra vez

      Eliminar
  8. UAU!
    Este post é de bolinha!
    Gostei!
    Infelizmente, ando de dieta também...

    ResponderEliminar
  9. Carago, eu também ando de dieta, logo eu que nunca fui de dietas na vida... Esta dieta forçada e ver cá este pequeno almoço deixou-me cá com um azedume! Ai, esta rapariga complicada!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ahahahahaah

      Tudo no eu comentário foi lindo, desde o 'carago' à 'rapariga complicada', passando pela comunhão de experiência! lol

      Há tempos assim. Que chatice. sniff

      Eliminar


  10. to cleanse the sexual palate depois de zoos de lisboa e rainhas isabéis and return to normalcy

    because the photo is... is ;)

    because going down on a girl is a beautifully personal thing.
    like looking in her eyes, just differently. if it matters.
    if it matters to look in her eyes.
    it should.

    because going down on a girl is a beautifully personal thing.




    [but this one is quite full though, everybody seems surprisingly very interested ;)]

    yes, h.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas tu tens cá uma carola, pá! Saiu-te à pressão, foi? Já quase consigo imaginar um sonzinho para esta letra.
      Caramba, o teu cd vai ser do melhor que este país já viu. (;

      Eliminar


    2. opá, prometo que saíu-me de fundo, não foi nada tentativa pimba!!

      Eliminar
    3. Pimba seria a consequência, não a música. lol

      Eliminar


    4. =D

      estou tramado contigo!!!!

      estou aqui a ir para o lado mais soft depois do circo do pimba progressivo e da rainha isabel de ontem e tu a dares-lhe para...


      o pimba...


      Eliminar
    5. E de momento, na minha cabeça, só existe um homem... Emanuel!


      Oh boy!

      Eliminar


    6. neste caso não a música...

      ... a consequência, para ser educado, não é?

      =P


      eu ainda ia dizer qualquer coisa como sex as soft as her skin - que nem sei se não será foleiro, mas arrisco-me a que comeces a tocar já os acordes seguintes =P

      Eliminar
    7. ´Não é nada foleiro, até porque em inglês resulta sempre. :D

      Os acordes seguintes incluem um refrão em dueto com o João Pestana. Estou que nem posso. :S

      Eliminar


  11. (e fiquei imensamente curioso sobre o sonzinho que imaginaste)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O som era qualquer coisa como: nã nã nã... lá lá lá... hum hum hum...
      Giro, né? :D

      Eliminar


    2. lol - sim, sim, estou mesmo a ver =P

      Eliminar
    3. Com a participação do Coro De Santo Amaro de Oeiras, vai ficar lindo de se ouvir! :D

      Eliminar


    4. ai deus! =D

      Eliminar


  12. "Na minha cabeça só existe um homem - Emanuel"

    isso sim poderia dar o mote a uma canção cantada por uma Ruth Marlene progressiva, uma história de amor por contar, um semi manifesto estético...

    AI BOLAS, QUE EU QUIS DIZER QUALQUER COISA DE MEU E JÁ VOLTÁMOS AO NÓS PIMBA!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bonito era um verso tipo "na minha cabeça só existe um homem... Miguel e André". Isto é que era a fina flor da poesia parola nacional, um hino à idiotice acabada, um chamariz de público, a fantasia libidinosa das mal-casadas deste país!!

      - o sono baixa a minha censura a níveis negativos... -

      Eliminar


    2. "o sono baixa a minha censura a níveis negativos"

      o que é óptimo!

      =D

      (confesso que não sei quem são Miguel e André, mas deduzi)

      Eliminar
    3. Como não???
      Tu nem digas que és português!!!
      http://www.youtube.com/watch?v=fTSRmskFnTA


      É óptimo para eu fazer uma triste figura. Pois. :D

      Eliminar


  13. Sono já?

    (diz a pessoa que dormiu uma massive nap durante a tarde em frente à televisão)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acordei muito cedo, andei quilómetros em saltos altos e tenho andado a dormir mal porque me constipei e acordo constantemente com grandes ataques de tosse. :(
      Estou desde as 21h30 a lutar contra o sono.

      Eliminar


  14. Ia-te falar numa coisa que escreveste aqui no blog, mas preciso de ir lá atrás ver...

    ResponderEliminar


  15. quando li isto

    "Por caminhos de outras praias rumo a destinos sem fim"

    pensei em dizer-te coisas, mas acho que perdi o rasto a algumas delas

    ficaram

    sorry for the loss

    sorry mesmo for the loss,
    the pain
    the shitty side of things

    quando li estes comentários

    Mar Arável
    Não há morte

    nem princípio


    Uma Rapariga Simples
    É uma perspectiva tentadora, só não a posso aceitar. Está contra todas as evidências.

    pensei

    não há evidências

    mas isso é a minha tabacaria

    e a do outro certamente

    mas que me deixa um involuntário budismo zen de não agarrar aqui o que aqui não pode ser perfeito
    a acreditar que noutro sítio tem de ser
    que outro dia será

    porque sim


    mas não quero trazer-te madeira e conchas que te doam os pés a uma praia onde já resolveste as marés e as arrumaste, para trazer só o mar de ida e volta onde podes chorar calma com o vento...

    portanto não sei

    sorry, sorry mesmo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Escrevi aquele texto depois de ter visto o filme, porque foi como voltar atrás, como remexer nas coisas. De certa forma foi uma reflexão minha, fora de mim. A minha tentativa de entender o que sente quem passa por uma experiência ainda mais no limite como foi a do filme.

      Quando falei das evidências, bem, estava a falar do senso comum, todos temos duas datas, o hífen que as separa é um cadinho de tempo roubado à eternidade. Ali estão o feliz início e o insuportável fim, essas são as evidências.

      A dor, a perda, a mágoa, a dúvida, todas se transformam. Há como que uma transferência, uma deslocação. De alguma forma ela acontece. Como é que não te sei dizer.

      Já não choro. Já não e lembro da última vez que chorei. Não sei porquê, faltam-me muitas peças no puzzle. Há-de ser de improviso, quando eu não estiver a contar.

      Obrigada pelo teu cuidado. (:

      Eliminar


  16. tudo é sempre um bocado de improviso.

    o tempo e o corpo e o tempo no corpo e o corpo no tempo acabam por dar caminho às nossas coisas.
    as peças ficam a faltar, sim. às vezes não damos por isso. somos bons a dar-nos as nossas histórias.
    às vezes damos.
    mas as peças ficam a faltar.

    e de nada. i'm glad we can share unexpected unguarded kindness between strangers

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Às vezes é mais fácil confiar em estranhos e criar com eles empatia ao ponto de partilhar assuntos muito pessoais e ter retorno emocional.
      Pode parecer-te estranho, mas falei muito mais da situação no blogue, com desconhecidos, do que no mundo real, com quem me conhece a cara.

      Eliminar



    2. não me parece estranho.

      de todo.

      há menos necessidade de dar conta de tudo. há menos peso ou há um peso mais certo, porque não há nada que tenha que ser.

      não sei. sei que acho que percebo o que queres dizer.

      Eliminar
    3. Também acho que percebes. De alguma forma, tu, tão avesso à publicação de informações pessoais, continuas a falar muito de ti. (:

      Eliminar


    4. é inevitável.

      e digo isso sabendo que até pode parecer como o outro, a um passo de cair dentro do lago...

      mas é mais do que isso, é inevitável voltarmos sempre a nós

      mas o que é que do que eu disse te dá essa informação de mim?

      Eliminar
    5. Coisas soltas que eu vou somando. Tem muito medo!!!! (=

      Eliminar


    6. trust me, i think i'm beginning to think i might have reasons to =P

      Eliminar
    7. Não temas, sou inofensiva. :D

      Eliminar



  17. mas voltando a lamber passarinha

    =D

    (kidding)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vais ficar com a boca cheia de penas! E a bichinha ainda te dá uma bicada. :D

      Eliminar


    2. ora aí está uma imagem que eu não queria ter presente quando...

      quando

      Eliminar
    3. Desculpa... foi sem querer. lol

      Eliminar


  18. por um momento pensei nos açores e lembrei-me de uma coisa que merecia uma t-shirt...
    não sei se será coisa que "comes across" para uma "continental", mas podes sempre partilhar com o euexisto (eu disse-te que vim dar ao teu blog por ter visto comentários teus no blog dele)

    I Left My Heart
    Na Fajã do Calhau

    (e assim podes parecer mais azores-cool =P)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A tua terra, presumo. (:
      Estás a referir-te ao sentimento de pertença contínua ao lugar de onde se partiu, é isso?

      Eliminar


    2. não, não, calma, de todo

      1- não é a minha terra, a minha família é de outra parte da ilha (e eu sou do continente, mesmo)
      2- era só uma brincadeira com o nome da coisa, a fajã do calhau é um sítio em s. miguel - de que eu nem me lembro muito bem - e o "i left my heart in" é aquele frase tipo

      (i left my heart in s. francisco, i left my heart in, etc.)

      e soa engraçado...

      pronto, não sei

      Eliminar
    3. ahahahhah

      Não conhecia a dita frase. Agora se tivesses usado a frase "Estive na Fajã do Calhau e lembrei-me de ti", eu tinha percebido à primeira. :D

      Eliminar

    4. mas assim não tinha o punch...

      =)

      Eliminar
    5. Claro que tinha, é a frase preferida pelo turismo em portugal: Estive nas Caldas e lembrei-me de ti; Estive em Curral da Burra e pensei em ti. Para além disso até é mais romântica. :D

      Eliminar


    6. por acaso estive em curral da burra e pensei em ti já mantém o punch

      =D

      Eliminar
    7. Outra: Estive em Cabeça de Homem e pensei em ti. Esta seria a risota total, ninguém entra na cabeça dos homens e os homens não pensam em nada de jeito. :D :D

      Eliminar


  19. de cada vez que faço um comentário a página volta ao topo e volta-me à imagem

    suponho saber com que espécie de sonhos posso contar esta noite...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. LOL
      E achas que eu preciso de saber isso? :D

      É uma imagem inspiradora, sem dúvida. (;

      Eliminar


    2. mas como assim?
      como não precisarias de saber?


      =P

      entre a imagem de cima e aquela que muito simpaticamente implantaste no meu subconsciente, sobre penas e bicos, conto com uma noite simultaneamente de perdição erótica e de surreais projecções de medos infantis de galinhas...

      Raparigaaaaa, tenho medo de ir dormiiiiiiir....

      ;)

      Eliminar
    3. ahahah

      Toma lá o pau que acertou no gato e se as galinhas te atacarem, dá-lhes sem dó. Vais ver, consegues dormir bem e amanhã ainda fazes uma bela canja. :D

      Se elas não fugirem, imita um lobo, como animais estúpidos que são, fogem sozinhas. lol

      Eliminar


  20. ocorre-me perguntar - e agora?

    tens três perguntas a que queiras resposta?

    (pois, eu sei que eu também me ofereço a publicar informações de mim, mas estou sempre em crer que estou a manter um certo anonimato online... muito provavelmente estou errado, mas pronto)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Continuas bastante anónimo, não te preocupes. (:

      Agora, eu vou dormir que já estou a escrever só com uma mão e um olho aberto e tu vais escolher outro post e mudares-te para lá, para prosseguirmos a conversa mais tarde. Boa?
      (=

      Eliminar


    2. boa noite ;)

      encontramo-nos num dia próximo, noutra parte da casa...

      (escrevi-te uma coisa ao mesmo tempo ali em cima entrentato)

      beijinho


      (e desculpa, mas "estou a escrever só com uma mão" num post com esta imagem e este conteúdo não é de todo inocente =P )

      Eliminar
    3. Aiiiiiiiii!!!!!! Mas era totalmente inocente! Cross my heart! lol

      Vou ficar à espera e prometo ter um termo de café feito, para acompanhar a conversa e não me dar o sono. Até te deixo fumar e tudo. (;

      beijinho

      Eliminar


    4. :)

      beijinho, até breve!

      eu da minha parte prometo que estou a escrever com as duas mãos, que quase me sinto ofendido com "os homens não pensam nada de jeito" ;) e que não tenho medos recalcados de galinhas mas pareceu-me engraçado!

      beijinho, boa noite Rapariga

      Eliminar
    5. Achas que à velocidade que te respondo, só estou a escrever com uma mão? Uma pode é estar mais parada. (;

      Vá, não te ofendas, até porque é verdade. :D

      um beijinho para ti e até à próxima. (:

      Eliminar