09/08/2012

Divagações da mente distraída


Acho que me sabia bem ter-te aqui hoje. Não sei se pelo sexo, não sei mesmo, não sei se pela companhia. Mas acredito que me ia saber muito bem. Talvez não tivesse muita vontade no início. Talvez acabasse por querer uma e outra vez, quase sem parar, como já aconteceu. Não sei. Sinto-me um pouco errática, estou sempre a mudar o que quero fazer e tudo me aborrece. "Ou isto ou aquilo", a Cecília Meireles é que sabia.

Estou cansada de planos. Queria que as coisas simplesmente acontecessem, espontâneas, de improviso, sem agenda na mão, a prever todas as variáveis: espaço, tempo, vontade, recursos, liberdade.

Mas ia saber-me bem ter-te comigo hoje. Lá isso ia.

64 comentários:

  1. Tanto plano cansa, de facto.

    "Queria que as coisas simplesmente acontecessem, espontâneas(...)" - era tão, mas tão bom.

    Espero que ao menos estejam a acontecer em algum lado... e que aconteça algo (bom!) desse lado também*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Deste lado, vai-se esperando com paciência. Espero também que em algum lado as coisas aconteçam para alguém. :)

      Que fizeste à tua foto bonita?

      Eliminar
    2. Paciência não me falta... se faltasse estava bem tramada :)

      A foto... revoltei-me e eliminei-a. Tive um acesso de... nem sei bem do que foi (sei mais ou menos, mas pronto), e a foto foi uma das coisas a ir ao ar. Talvez volte a devolver-me um rosto em breve.

      Eliminar
  2. Quem quer que seja ele, tenho a certeza absoluta que é exatamente isso que ele mais deseja...

    ResponderEliminar
  3. Como te entendo! "Pensar é estar doente dos olhos", às vezes acho que somos demasiado cegos perante a vida e o que nos rodeia! Tudo culpa do pensamento, esse sacana!!!!
    Gostei do blog, vou seguir-te! ;)*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sacana mesmo! Lixa-nos até as decisões mais resolutas. Da próxima vez que o apanhar, leva um pontapé. humpf

      Bem-vinda. :)

      Eliminar
  4. Relendo isto hoje à luz da tinta fresca, ganha outro sentido :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Claro, é tudo a bem do progresso... da pintura. Um par de mãos extra dá sempre muito jeito para pegar no pincel.

      Eliminar
    2. (se há mais que sitio onde se pode responder, é mais que certo que me vou enganar...)

      Eliminar
    3. É só ir clicando em Responder. E que importam os enganos? As conversas querem com curvas.

      Eliminar
    4. E um bom vinho branco a acompanhar.

      Eliminar
    5. e queijo de azeitão (nesse caso passo as cerejas)

      Eliminar
    6. E bolachinhas de água e sal ou broa de milho branco.

      Eliminar
    7. Milho branco? mas de que terra és tu, mulher?

      Eliminar
    8. gajo que é gajo, não pode dizer que quer bolachinhas de água e sal com o queijo e o vinho

      de modos, que podes comer as bolachas todas

      Eliminar
    9. ahahahahah
      Eu como, fica tu com a broa. :D

      Há quem diga que eu sou do Norte, carago! Mas não sou, estou quase na foz do Mondego.

      Eliminar
    10. Um intervalo em tudo o resto: o milho branco existe mesmo?

      Eliminar
    11. Tu és mesmo do sul, não és? -.-

      https://www.google.pt/search?q=broa+de+milho+branco&hl=pt-PT&prmd=imvnse&tbm=isch&tbo=u&source=univ&sa=X&ei=6BIlULCAMYqe0QXu2IGoCg&ved=0CFQQsAQ&biw=1024&bih=487

      Claro! Parte tu a broa aos bocadinhos, põe-lhe açúcar e leite e tens os cereais mais saudáveis da história dos cereais.

      Eliminar
    12. hergsgs já sei porque não conheço, açucar leite e broa, e saudável!!

      Faz-me lembrar, o Woody Allen no Heroi do ano 2000, já naõ sei como ele está no futuro e quando lhe dizem que os amigos já morrerem todos, ele muito admirado: mas eles só comiam arroz orgânico!

      Eliminar
    13. Dizes isso porque nunca comeste! E quando a broa sai do forno e leva manteiguinha em cima? mnham mnham

      Eliminar
    14. Trriimmmm!!!! Gulodice alarme! Trriimmmm!!!! Gulodice alarme!

      Eliminar
    15. És uma seca!!! Aposto que és daqueles que conta as calorias todas.

      Eliminar
  5. Quatro mãos para um único pincel, é muita tinta.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Um par de mãos para o pincel, outro par para o rolo. É realmente muita tinta.

      Eliminar
    2. Vou descansar por um bocadinho as variações sobre esse tema

      Não é que duvide, mas fica bem perguntar, o capuccino ficou bonito?

      Eliminar
    3. Melhor do que se fosse vómito. :D
      Devo dizer que também fica muito bonito como verniz das unhas.

      Eliminar
    4. Caso não tenhas reparado, tenho posto de lado a versão das paredes pintadas de vómito... prefiro com pincel e rolo

      Eliminar
    5. Reparei. Mas eu gosto de dizer estas coisas só porque sei que não são esperadas e enojar quem me lê. :D

      Eliminar
    6. E eu abaixo assinado, anteriormente conhecido como adepto do inesperado, declaro assumir com lealdade as funções que me são confiadas como lídimo seguidor do esperad@.

      Eliminar
    7. Isso tudo para me dizeres para parar de falar de vómitos e pedires por favor que não comece a falar de ranhos?

      Eliminar
    8. Aliás, hoje era dia de teorias peculiares e não de ranhos.

      Ranhos! Nem estamos no inverno.

      Eliminar
    9. Esqueci de uma coisa. Isso é muita insensibilidade pelas pessoas que têm alergias com os pólens. A ver se elas não têm coiso (já não posso mencionar a dita palavra).

      Eliminar
    10. lá está, mas isso é na primavera, estamos no verão, não é época dessa coisa

      (acertei no sitio!)

      Eliminar
    11. Aposto que a frase entre parêntesis é a mais usada pelos homens. ahahahah

      Eliminar
  6. se disser pára, não vais parar, pois não?
    se disser continua, continuas. A minha única hipótese é pôr aqui algo tão nojento, tão chocante, que até as letras se arrepiem.

    ora, como isso não é do interesse de ninguém. Fiquemos aqui pelos limites do tolerável, Ok? Sim? Vá lá!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. m#$#$, acho que já me enganei outra vez no sitio do responder.

      Eliminar
    2. AHAAHAH
      Lindo!


      Mas enganas-te. Se disseres para, eu paro. Se disseres continua, eu continuo se achar relevante. Há assuntos que se esgotam assim que são mencionados e este é um deles.

      A única diferença entre nós é que eu tenho moral. ;)

      Eliminar
    3. Nesse caso não deves ter bons costumes.


      Ter as duas coisas é uma chatice.

      Eliminar
    4. -.- É muito bonito desconfiar assim das pessoas, é, é... O que vale é que eu sou uma senhora.

      Eliminar
  7. Não era desconfiança, era esperança.


    Isto não saiu lá muito bem...


    A ideia original é que fazer asneiras de vez em quando, faz parte. E nem são asneiras, olha já nem sei o que são nem o que estou a dizer. Diz tu :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. e xiça enganei-me outra vez, não estou habituado a estas modernices...

      Eliminar
    2. Para além de me quereres ganhar para a causa dos indecisos, estás a ver se me ganhas para a causa dos confundidos...

      Oh meu caro, eu asneiro pouco, mas quando o faço é à grande!

      (eu percebi ;)

      Eliminar
  8. eu percebi que percebeste que eu tinha percebido que tu tinhas percebido que eu percebi

    ResponderEliminar
  9. $%$"%$/"$(&!$$(&!($&!()$&!)("$ hei-de acertar com isto!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oh, não faças isso, não acertes, engana-te mais vezes para eu me rir à tua custa. lol

      Eliminar
  10. mas tu já vistes quantos responederes é que há aqui?

    Vou-me dar ao trabalho de contar

    ResponderEliminar
  11. e prontos, bora lá ao comprimido...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É como em tudo, há que saber escolher o certo. lol

      Bute lá. :)

      Eliminar
  12. A minha mente quase se distrai também divaga por caminhos semelhantes.

    Dá gosto ler-te.

    \o/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. *quando se distrai.

      Aparentemente quase se distrai também dá calinadas. :D

      Eliminar
    2. *quando. Eu juro que não sei o que se está aqui a passar. Vou-me retirar envergonhado para o meu canto. lol. :)

      Eliminar
    3. Não vás, pelo menos sem eu me rir mais um bocadinho. lol
      Cá para mim, a tua mente quase se distrai, porque tu não lhe dás grande margem de manobra. Será? ;)

      Eliminar
  13. A minha mente tem é uma margem de manobra demasiado relaxada! lol.

    Os últimos dias foram extenuantes, é normal que tenha cometido um par de calinadas seguidas. :p

    Noutro ponto - em nada relacionado, claro! - vou tentar não escrever 'quando' nos próximos tempos. :D

    A minha mente tem é uma margem de manobra demasiado relaxada!

    Deixa-me só reler isto... sim, um par de erros... e está corrigido.

    Se clico em publicar e reparo em algum erro terei obrigatoriamente de me inscrever numa escola. Ou se calhar começo por instalar um corrector ortográfico. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. LOL
      Acho que devias de começar pelo corretor ortográfico. ;)

      Eliminar
    2. Heish! Uma valente margem de manobra mesmo! lol.

      Eu semi-digo esse C de corrector, não vou prescindir dele. :)

      Eliminar
  14. Semi-diz, estás no teu direito. Mas usa-o também no Victor e no sancto, só assim serás coerente. :)

    ResponderEliminar