21/05/2012

A dona da casa azul

Na casa azul do fundo da rua mora uma pessoa estranha. A minha mãe diz que ela é estranha porque não fala com ninguém, eu acho que ela é estranha porque os olhos dela não têm água, são secos como aqueles países em África que no outro dia vi na televisão. Às vezes, ando de bicicleta lá no fundo da rua, para ter uma desculpa para a ver, a minha mãe diz que não é bonito espiar as pessoas, mas ela também diz que não se fala com a boca cheia e às vezes também o faz, por isso eu acho que não faz mal nenhum.

[mais um que anda ali a vaguear num texto .doc] 


8 comentários:

  1. Inspirador!! A inocência transformada em lições de vida. Obrigado por partilhares.

    Beijos com charme

    ResponderEliminar
  2. A mensagem que tirei deste texto (que by the way é tão fofinho) foi:
    Não fazer aquilo que os pais dizem para fazer, porque eles fazem o contrário!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. AHAHAH
      Pode ser, na verdade é o raciocínio que a miúda mais faz, mas não passa de uma desculpa para partir à descoberta do grande mistério que é a mulher que mora na casa azul.
      Acaba bem, garanto-te, só não digo se ela a conhece ou não. ;)

      Eliminar
  3. Agora fiquei com a pulga atrás da orelha, não podes fazer isso lol

    ResponderEliminar
  4. Aquela parte que sabes está perfeita!

    ResponderEliminar