07/05/2012

Do meu traje, a única coisa que ainda me serve é a capa


Faz este mês 10 anos que o vesti pela última vez.
É, meus caros, estamos velhos.





16 comentários:

  1. Grande t-shirt esta.
    E eu nunca tive traje. Mas teria usado uma t-shirt assim.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu tive! Estreadinho no saudoso ano de 1999, ainda tem o grelo e tudo. :D
      E também teria usado uma t-shirt destas e estou a pensar oferecê-la ao estudantes da casa. lol

      Eliminar
  2. pois é... o tempo passa e a roupa encolhe.... :P

    eu sei e entendo-te perfeitamente, tenho exactamente o mesmo problema

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O problema é que eu ganhei coisas com a idade que aos 20 não tinha, estás a ver? Coisas... abaixo dos ombros e da cintura... faço-me entender? Vai daí, o casaco já não assenta e a saia subiu perigosamente. :D

      Eliminar
  3. Ahahahahah! Olha comigo, pelo andamento da carruagem, qualquer dia nem a capa :O. Kiss.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ahahah
      Se quiseres, empresto-te a minha, era a maior que havia na loja, na altura! ;)

      Mas os trajes hoje estão mais elegantes, as saias são de cintura subida e os casacos cintados. O meu casaco parece um saco de batatas, direito e enorme. :(

      Eliminar
  4. Eish!!! Do que me foste lembrar. Realmente, o casaco e a camisa do meu traje eram autênticos quadrados com mangas. Horrível! É que só se aproveita mesmo a capa. E a minha teve bastante uso. No outro dia peguei nela...caramba, cheira mal que se farta! Acho que já posso ultrapassar a tradição de não se lavar a capa, senão qualquer dia pensam que está um morto dentro de um saco escondido no fundo do armário.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lembrei-me que tinha ali uma foto da capa e vim atualizar a entrada só pela vaidade! Admito e confesso, pura vaidade mesmo! :D

      A minha cheira ainda a fazenda, não lhe dei grande uso, em abono da verdade, mas guardo-a com grande carinho.
      Para salvares a tua da limpeza, experimenta pô-la ao sol. A do meu irmão cheirava horrivelmente a cerveja e o cheiro desapareceu assim.

      Eliminar
  5. Qualquer dia sou eu a pendurar a minha capa cheia de emblemas... digo eu :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. :)
      Fico a torcer por ti e ainda te posso mandar um cá do burgo, só pela vaidade (lá está, rás parta a vaidade. ;)

      Eliminar
  6. Foleira, a menina quer é aparecer!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Verdade, tudo verdade!
      Acha o menino POC que com esta foto tenho hipóteses de ser a capa da Playboy Portuguesa de Junho?

      Eliminar
  7. Da Playboy Portuguesa ou Afegã? Claro.
    Está muito bem.
    Gosto do traço da sua cara. E da cor dos seus olhos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Normalmente, gabam-me a frescura do meu sorriso, aliado à inclinação da cabeça, aproveitando o esplendor da luz, mas se gosta da cor dos meus olhos, creio já não se perder tudo.

      Eliminar