18/01/2012

Quando o mundo parecia não ter fim


Primeiro dia do ano.
Fim da tarde e o silêncio da rua.
Um sofá, uma manta branca, um livro com um desenho de um gato azul e esta música.
Tudo era possível.
O ano acabava de começar.


1 comentário: