18/01/2012

Peças soltas do puzzle

 Não espero mais nada. Não há mais nada para esperar.
O meu início de ano foi uma subida aos céus e uma descida às profundezas do abismo.
Juro que não entendo por que fizeste isso comigo.

2 comentários:

  1. um dia vais agradecer....!! força =)

    Maria

    ResponderEliminar
  2. :(
    obviamente que não sei o que se passa, mas leio uma dor imensa... espero estar enganada, mais não seja na sua grandeza...
    coragem e beijinho*

    ResponderEliminar