08/02/2011

Pedra - Arco - Ponte

 Marco Polo descreve uma ponte, pedra a pedra.
- Mas qual é a pedra que sustém a ponte? - pergunta Kublai Kan?
- A ponte não é sustida por esta ou por aquela pedras - responde Marco, - mas sim pela linha do arco que elas formam.
Kublai Kan permanece silencioso, reflectindo. Depois acrescenta: - Porque me falas das pedras? É só o arco que me importa.
Polo responde: - Sem pedras não há arco.

CALVINO, Italo (1999). As cidades invisíveis. Lisboa: Teorema. 3ª ed. p.85

Ponte_Pedra_by_VictoriouSmiles

"Marco Polo descrive un ponte, pietra per pietra.
- Ma qual è la pietra che sostiene il ponte? - chiede Kublai Kan.
- Il ponte non è sostenuto da questa o da quella pietra, - risponde Marco, - ma dalla linea dell'arco che esse formano.
Kublai Kan rimase silenzioso, riflettendo. Poi soggiunse: - Perché mi parli delle pietre? È solo dell'arco che mi importa.
Polo risponde: - Senza pietre non c'è arco."

CALVINO, Italo. Le città invisibili.

16 comentários:

  1. Esta conversa deu-me uma pedrada.

    ResponderEliminar
  2. Rosinha:
    Se alguém já escreveu sobre as coisas de forma tão mais bonita e profunda do que eu, para que me hei de perder em devaneios? :)

    Calvino merece ser divulgado.

    ResponderEliminar
  3. Daniel:
    Se for de sono, estás como eu.

    ResponderEliminar
  4. Já te tinha dito que te invejava por isso. Calvino é dos meus preferidos:)

    ResponderEliminar
  5. M.:
    Vou-te confessar uma coisa, tenho postado Calvino por causa do teu comentário num post anterior.

    É a minha forma de partilhar contigo, em formato bilingue, o mesmo gosto. :)

    ResponderEliminar
  6. Basicamente, todos juntos fazemos algo de grande. Sozinhos nem por isso :)

    Beijinhos*

    ResponderEliminar
  7. Não conhecia.

    Na verdade acho que todos os arcos têm umas pedras de fecho, como as abóbadas.

    Calvino hu? :)

    ResponderEliminar
  8. Kenny:
    Calvino! :)

    *Bês! Eu aprendo *mutas cosas das que falas (não entendo metade :p) e tu aprendes tanto mais eu. XD

    ResponderEliminar
  9. tambem nao se consegue fazer omoletes sem ovos... nao e?

    na vida ha situações assim... estão ligadas por algo e nada pode ser feito, admirado ou mesmo destruido sem que a outra metade interfira... e a lei da vida...

    por exemplo :
    o socrétes esta la no poder, logo ele esta la porque nos o pusemos assim ele na poderia estar la se na fosssemos nos, esta tudo ligado entendes... assim estamos fudi...os por nossa causa mesmo toda a gente negar que votou nele...

    ResponderEliminar
  10. LOOOOOOL

    Ou seja, temos o resultado da nossa orgia coletiva!

    (eu não votei. ;))

    ResponderEliminar
  11. Perfeito. É exatamente isso que penso e que gostaria de ver um dia... Mas está comp|icado.

    ResponderEliminar
  12. disseste orgia?

    mas quem nos come é ele...

    é mais, vira para ca que te avias!!!

    eu tambem não... longe de mim...:)

    ResponderEliminar