13/05/2009

Can I say no to you?


O conflito entre a razão e o sentimento não é novo, nem novidade para qualquer um de nós.
Em qualquer momento da caminhada, tivemos de decidir entre o que sabíamos ser o certo e o que desejávamos ser o certo.
Vai onde te leva o coração… pois é, Tamaro, mas nem sempre o coração nos leva para o melhor dos lugares; muitas vezes acaba por nos abandonar em sítios pantanosos, sem direcção nem esperança.

Drink up sweet decadence.
I can't say no to you,
And I've completely lost myself, and I don't mind.
I can't say no to you.

Entre os sucessivos avanços e recuos, na tentativa tantas vezes frustrada, tantas vezes desesperada, de voltar ao caminho original, censuramo-nos por mais uma vez termos deixado que o sentimento marcasse o rumo.

Shouldn't let you conquer me completely.
Now I can't let go of this dream.

Se bem repararmos, Sentimento é um nome masculino, Razão é feminino, logo aqui deveríamos saber qual escolher, os homens não sabem antecipar caminhos, deixarmo-nos guiar por eles é deixarmo-nos guiar por um cego teimoso que não quer admitir que não sabe por onde vai.

E quando voltamos à estrada, quando a Razão foi rainha, tantas vezes o Sentimento travesso e traiçoeiro atira tropeços para a nossa frente, só para nos lembrar que existe, está vivo e se quiser...

Under your spell again.
I can't say no to you.


Fight_Series__by_larafairie



Ainda assim, está na hora de seguir outro rumo, traçar outros caminhos.
Quem sabe igualmente pantanosos.
Quem sabe...
Por agora, Razão 1 – Sentimento... não sei, ao fim de um tempo deixei de contar.



* Letra da música Good Enough - Evanescence

Fevereiro de 2009

Sem comentários:

Enviar um comentário